Sucatinha 2

Diversão e arte

Reciclagem é uma necessidade cada dia maior, mas a seriedade com que ela deve ser encarada não impede que aqueles que já se conscientizaram de sua importância criem maneiras lúdicas e divertidas de exercitar e difundir esse prática. É o caso das artistas plásticas Alessandra Maiello e Camila Di Giácomo, de São Paulo. Formadas pela Universidade de Belas Artes, elas são as responsáveis pelo Ateliê Sucatinha de Luxo, instalado numa casa no bairro de Pinheiros, na capital paulista. Através de oficinas e cursos para crianças e, em breve, também para adultos, elas encontraram uma maneira criativa e inusitada de compartilhar conhecimentos sobre história da arte, música e literatura enquanto ensinar cuidados com o meio ambiente.

Os temas dos cursos e oficinas variam bastante, ainda que sempre voltados para o universo da arte. Entre as atividades, as crianças podem aprender a fazer colagens, customização de peças, pinturas, sendo que entre as matérias-primas mais recorrente estão sucata ou material de reciclagem, como PET, jornal e até antigos discos de vinil.
A EcoBrindes só poderia apoiar um ideia como essa. As atividades duram em média duas horas. Os pais deixam as crianças no ateliê e voltam para buscá-las após o término da atividade ou participam de outras oficinas criadas especificamente para pais e filhos atuarem em conjunto, estas tendo uma hora de duração.

Outra atração que o Ateliê Sucatinha de Luxo oferece é levar a brincadeira das oficinas para as festas de aniversário
infantis, um tipo de atividade com um viés educativo de consciência e responsabilidade social, não meramente consumista. Caracterizadas de acordo com a ideia que for definida, Alessandra e Camila podem propor narração de histórias, oficinas de arte e até mesmo levar a decoração das festinhas, com temas outros além dos personagens de desenhos animados. Elas normalmente chegam uma hora antes do início da festa para montar todo o mobiliário do mini-ateliê e trazem aventais e materiais a serem usados. Só vão embora com o fim da festa. As peças confeccionadas pelas crianças costumam virar lembrancinhas para os convidados.

Eventos de empresas em que os filhos dos funcionários participem também podem ser atendidos pelo Ateliê. Os preços variam de acordo com a proposta, mas, como referência, a narração de história custa cerca de 400 reais, a decoração de mesa, cerca de 600 reais e a oficina de arte cerca de 1500 reais.
O Sucatinha de Luxo só trabalha com um máximo de 50 crianças por vez ou até 150 em sistema rotativo, quando existem outras atividades para as crianças se revezarem.
Agora, com a nova sede em Pinheiros, cursos de arte para adultos estão sendo preparados. Já há dois previstos: Mandalas e Divas.

Camila vai ministrar o curso Divas, em que o tema será trabalhado com papel marché. A proposta é confeccionar uma diva de sucata, mas com o apoio de uma pesquisa de época para caracterização da personagem e sua história.
O curso de Mandalas ficará a cargo de Alessandra, que vai explorar o desenho de Mandalas, a partir dos conceitos desenvolvidos pelo psiquiatra e psicanalista suíço Carl Jung de que as elas despertam o indivíduo para o autoconhecimento, mas também de noções básicas de desenho geométrico e técnicas de cores. As oficinas para adultos devem ter início em outubro e custar cerca de 450 reais, com material incluso. O Ateliê Sucatinha de Luxo fica na Rua Mourato Coelho 451, Pinheiros. Os telefones para contato são (11) 8567-5291 ou (11) 9251-1363.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Recicle as flores do seu evento!

Casamentos, festas e reuniões importantes costumam ter arranjos florais na decoração dos seus ambientes e, em geral, depois da cerimônia lá se vão todas as flores para o lixo. Apesar de efêmeras, se cuidadas, as flores podem durar de uma a duas semanas. A questão é o que fazer com elas depois dos eventos. Alguns tipos de arranjos podem ser facilmente levados para casa pelos convidados mas outros pela dimensão e suporte tem apenas o lixo como destino.

Para acabar com esse desperdício (de recursos, beleza e alegria que as flores proporcionam) um grupo de São Paulo criou o projeto Flor Gentil. Trata-se de uma idéia inovadora e um gesto muito gentil de levar essas flores aos abrigos e casas de idosos proporcionando-lhes um suspiro de alegria e enfeitando seus lares, muitas vezes tão cinzentos.

O projeto “busca através de um ato gentil usar a flor como veículo de amor e vida para levar carinho e atenção aos idosos”. A Ecobrindes felicita os organizadores do projeto e se alegra em divulgá-lo aqui no blog para que mais e mais pessoas envolvidas em organizações de festas e eventos que utilizem flores possam aderir ao mesmo!

Você que vai utilizar flores em seu próximo evento entre em contato com a Flor Gentil (11 3031 5861) e agende sua doação! Gentileza gera gentileza. Façamos do nosso planeta um lugar melhor para todos nós!


Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)
BS 8901 A

Mais que evento, um acontecimento

Nas práticas cotidianas do indivíduo e na produção industrial e agropecuária a noção de sustentabilidade é cada vez mais difundida e valorizada. O que muitas empresas e profissionais ainda precisam descobrir e adotar é a importância da sustentabilidade em eventos. Por mais que tenham curta duração, eventos envolvem número considerável de produtos e serviços, podem gerar enormes quantidades de lixo, entre outros fatores que preocupam em termos sociais, econômicos e ambientais. Para isso existe a BS 8901.

Essa norma britânica – “BS” siginifca British Standards, ou padrões britânicos – foi criada pela BSI, empresa que atua mundialmente no ramo de desenvolvimento, auditorias, certificações, treinamentos e apoio a serviços e práticas de negócios diversos. A norma surgiu, principalmente, em função dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012. O que a BS 8901 possibilita é incluir a indústria de eventos nos processos de revisão de métodos e soluções tradicionais em direção a modos de operar de forma mais balanceada e sustentável.

Desse modo, a BS 8901 assimila vários princípios de normas anteriores, ligadas a sistemas de gestão, como ISO 9001 (Gestão da Qualidade), ISO 14001 (Gestão do Meio Ambiente) e OHSAS 18001 (Gestão de Segurança e Saúde Ocupacional). Mais cientes das implicações de seu trabalho durante a organização de eventos, empresas e profissionais autônomos podem minimizar o impacto ambiental – assim como sociais e econômicos – em suas decisões, desde a escolha de locais, fornecedores e prestadores de serviço até a maneira que a comunicação, as apresentações e as interações com os participantes serão feitas.

Ao normatizar procedimentos, a BS 8901 facilita a gestão responsável de todos os envolvidos no processo, sistematizando a identificação e avaliação de problemas, redução e custos e de riscos à imagem da empresa organizadora do evento e informações sólidas para investimentos mais seguros, entre outras vantagens. A BSI oferece treinamentos sobre a BS 8901.

Se seguir as orientações da norma, é a empresa e não o evento que recebe a certificação. Outro bom motivo para tornar o evento um acontecimento referência em sustentabilidade é que ele fica isento de auditoria. Além da neutralização de emissões de carbono e tratamento justo dos profissionais envolvidos e da região em que o evento é realizado, prevista nas medidas da BS 8901, uma das formas de tornar o evento mais sustentável é a adoção de brindes que se adéquem a essa proposta, como é o caso da linha de produtos da EcoBrindes.

Créditos das fotos:

Virada Cultural Paulista 2011

Ney Faustini / Crédito: Divulgação

São Paulo Cia de Dança / Crédito: Divulgação

Trix Mix / Crédito: Divulgação

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Use água da chuva!

Neste DIA MUNDIAL DA ÁGUA a Ecobrindes aproveita para lembrar a todos os nossos leitores sobre a importância de usarmos a água, este recurso natural essencial e finito, com muito bom senso. Atitudes simples como não deixar a torneira aberta durante a escovação dos dentes, não “varrer” as calçadas com água e não tomar banhos muito demorados podem sem prejuízo algum fazer parte do seu cotidiano desde já!

Mas existem outras formas, às vezes um pouco mais complexas, de se utilizar (ou reutilizar) a água em nosso dia a dia como por exemplo armazenar a água da chuva e utilizá-la para os mais variados fins. E saiba que já é possível fazer isso sem reformar a sua instalação hidráulica!

A dica de hoje é o RAINDROP um original produto criado pelo designer holandês Bas van der Veer que acoplado às calhas de sua residência armazena água para usos corriqueiros de jardinagem e demais utilizações domésticas. Nas versões normal e mini o artefato já esta à venda nas grandes lojas de jardinagem da Europa e deve chegar ao Brasil em breve.

Vale lembra que o designer iniciou os estudos para criação do Raindrop ainda na faculdade (como seu trabalho de conclusão de curso) e hoje o produto é manufaturado por uma empresa holandesa de plásticos (com plástico reciclado). O Raindrop já ganhou diversos prêmios de design desde que foi criado.

A Ecobrindes alegra-se em dar dicas de produtos simples e originais que ajudam o meio ambiente a manter-se em equilíbrio!

Fonte das imagens: Studio Bas van der Veer, 2011.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Lixo de estimação!

Começo de ano é sempre um bom motivo e uma ótima data para remexer em nossos objetos e verificar aquilo que ainda nos serve e aquilo que podemos doar. Pode ser que para nós o uso de determinados objetos, roupas, calçados e mesmo aparelhos eletroeletrônicos não tenha mais significado ou valor mas para muita gente pode representar uma grande ajuda recebê-los.

A Ecobrindes antenada com os temas da reciclagem sugere uma pausa no seu dia a dia para que você  faça aquela faxina no seu “lixo de estimação” e passe adiante tudo que não utiliza mais, assim você libera espaço para que outras coisas possam chegar e ainda ajuda a quem precisa! Vamos lá?

As instituições abaixo arrecadam doações e repassam a entidades ou as vendem para reverter o dinheiro para as obras de assistência.

APAE de São Paulo: atende pessoas com deficiência intelectual. Aceita doações de brinquedos, roupas, livros, eletrodomésticos e móveis que serão usadas pela própria instituição. Como doar: retira em casa: fone 11 5080 7123

Casas André Luiz : atende crianças com deficiência mental. Aceita móveis, utensílios domésticos, livros roupas, calçados etc. Tudo é vendido nas lojas do Mercatudo Casas André Luiz. O dinheiro é revertido para a instituição. Como doar: retira na região de São Paulo, Campinas e Sorocaba. Fone: 11 2459 7000.

AACD: atende crianças com deficiência física. Aceita roupas, sapatos, bijouterias e brinquedos em bom estado que serão vendidos em bazares. Como doar: os produtos devem ser entregues na AACD, Rua Pedro de Toledo, 1620. Vila Clementino, SP de 2ª a 6ª das 8h00 às 17h00.

Lar Escola São Francisco: Atende pessoas com deficiência física e mobilidade reduzida. Aceita livros, roupas, brinquedos , móveis e eletrônicos em bom estado para o bazar da entidade. Como doar: retira em casa. Fone: 11 5098 7899.

Exército da Salvação: auxilia populações atingidas por desastres naturais e vítimas de conflitos. Aceita roupas, móveis, brinquedos, sapatos, livros, computadores ou outros objetos que serão destinadas a famílias carentes ou bazares. Como doar: retira em casa. Fone: 11 4003 2299 SP ou 21 4003 2299 RJ

Portal da ajuda: cadastra entidades que precisam de doações, recebe e distribui o que é arrecadado. Aceita eletrodomésticos, móveis, roupas, brinquedos, material escolar, livros, itens de cozinha, itens de informática, material de construção. Os produtos são destinados a mais de 40 instituições. Como doar: retira em casa. Fone: 11 5181 1330 SP. É possível escolher para qual entidade você quer doar.

Fundação ABRINQ – Desenvolve ações e projetos relacionados à proteção dos direitos da infância e da adolescência. Aceita qualquer tipo de doação. O material é repassado para instituições parceiras. Como doar: dependendo da doação, retira em casa. Fone: 11 3848 4908

Fonte: Caderno Equilibrio no jornal Folha de São Paulo edição de 4/01/2011.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Faça suas entregas de bike!

Geralmente entregas de documentos, produtos de pequeno porte, remédios e até alimentos de consumo rápido são feitos por “motoboys”, que utilizando motocicletas, dão conta do recado de forma rápida e prática, mas contribuem de maneira significativa para  o aumento da quantidade de gases tóxicos na atmosfera.

Pensando nisso uma empresa recém criada em São Paulo estabeleceu-se buscando oferecer um serviço semelhante utilizando bicicletas. A Carbono Zero Courier opera com entregas num raio de 9km a partir da região central prometendo eliminar a emissão de carbono e oferecer um serviço que agrega valor à gestão sustentável de sua empresa!

Área de atuação da Carbono Zero Courier em São Paulo. Fonte: GoogleMaps, 2010.

No mapa, as áreas verde, azul e amarela representam regiões de entrega e servem como parâmetros de cobrança para a contratação dos serviços. A forma de cobrança é por “pedalada” (R$ 9,00) e a cada região corresponde um número de pedaladas (de 2 a 4). Confira maiores informações no site e experimente o serviço em sua próxima entrega!

Numa cidade como São Paulo, onde a máxima “tempo é dinheiro” é levada aos extremos, esperamos e desejamos que a Carbono Zero Courier consiga promover uma mudança de postura naqueles que contratam serviços de entrega e que a bicicleta seja cada vez mais respeitada pelos motoristas e valorizada como uma opção mais ecológica de entregas.

A Ecobrindes é a favor dessa mudança de postura!

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Germinação Experimental de Canafístula – peltophorum dubium

Aproveitando que estamos na semana da árvore publicamos a seguir uma técnica experimental de germinação de sementes de árvores brasileiras que apresentam “dormência tegumentar” (no caso, a canafístula).  A dormência da semente é na realidade uma camada impermeável (casca dura) que algumas espécies, principalmente de árvores,  possuem.

Para “quebrar” esta dormência e conseguir germinar sua árvore bebê, siga os passos abaixo indicados e fique maravilhado com o processo !!

1 – Tenha em mãos os seguintes itens: 2 pedaços (bolinhas) de algodão, uma lixa de unha, um pouco de água e claro, as sementes de canafístula.

2 – O próximo passo é escarificar / lixar levemente a base da semente (a parte mais pontuda). Lixe pelas laterais, mas com cuidado para não danificar a semente. Esta escarificação permitirá que a água (elemento da vida) penetre na semente proporcionando a germinação.

3 – Depois de escarificar as sementes, prepare o vasinho com algodão, acomode as sementes e coloque um pouco de água para umedecer a base. Finalize colocando o outro pedaço de algodão por cima, fazendo uma espécie de “saduiche” com as sementes ao meio. Coloque um pouco mais de água e em seguida retire o excesso de água, pressionando o algodão por cima (com os dedos).

Cubra as sementes com outro pedaço de algodão e retire o excesso de água:

4 – Agora vem a parte mais espetacular, a germinação.  Entre  5 e 10 dias sua semente irá absorver a água  e iniciar o processo maravilhoso da vida. Nos primeiros dias, a multiplicação celular irá se concentrar em criar uma raíz longa para absorver mais nutrientes, enquanto prepara e ensaia a saída efetiva das primeiras folhas “protetoras”. Repletas de clorofila, folhas iniciais verdes e bem escuras,  proporcionam intensa respiração celular e geram energia suficiente  até que o caule e a folhagem definitiva se formem.

5 – Com os brotos germinados, aguarde até conseguir  pelo menos 3cm de raiz para que possa ser possível  seu plantio em uma vaso maior, desta vez contendo substrato orgânico (terra fértil). Faça uma abertura em meio ao substrato contido no vaso com uma caneta ou objeto similar e, com cuidado, enterre a raiz até que fique firme e estável.  Agora é só regar e aguardar ela crescer e se fortificar, até que seja possível seu plantio definitivo.

E esse é o fantástico resultado!! O maravilhoso espetáculo da vida !!  Esta pequena árvore irá se desenvolver  (como nossos filhos) e se transformar em algo extremamente útil para o planeta. No caso dela, converterá  gás carbônico em oxigênio,  filtrará o ar que respiramos, nos dará flores belas e harmônicas tal qual é a criação, nos encherá de esperanças e idéias virtuosas. Um belo exemplo  da  exuberância da natureza e de quem a criou. Note como é bela e simples a mágica da vida !

A Ecobrindes testou e aprovou este método simples de germinação. Utilize você também!

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Limpeza com consciência já nas gôndolas!

A Ecobrindes não faz propaganda de produtos e não recebe nada em troca por isso, mas tem interesse em divulgar produtos, serviços e boas práticas relacionadas ao uso consciente dos recursos naturais do planeta.

Por isso, destacamos nesta semana a linha de produtos de limpeza para casa ECOBRIL (da BOMBRIL) pensada a partir da combinação entre sustentabilidade & ecologia (os 4R´s), qualidade e preço justo os produtos apresentam-se em fórmulas concentradas, com ativos biodegradáveis, matérias primas naturais e de fontes renováveis e não testadas em animais. As embalagens são feitas com 50% de material reciclado, são 100% recicláveis e também são encontradas na versão REFIL.

Com preços similares aos produtos de mercado que ainda não despertaram para a causa ambiental vale a pena testá-los em sua próxima limpeza. A Ecobrindes testou e aprovou o lançamento! Experimente você também!

Vídeo de apresentação da nova linha de produtos no site da VIMEO:

Ecobril from Bombril on Vimeo.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Reciclar livros? Bom para o bolso e para o planeta!

É isso mesmo! Mas não vá pensando que iremos falar sobre a reciclagem pura e simples da matéria prima de que são feitos os livros. Hoje a idéia é divulgar um lugar onde é possível comprar e vender livros usados! Em tempos de grandes e válidas preocupações ecológicas nada mais sensato do que passar adiante aquele livro que você já leu e não irá mais ler, um livro que se esgotou e você deseja muito ou mesmo comprar os livros didáticos  do seu filho a preços muito atraentes!

Trata-se da Estante Virtual, um site com aproximadamente 7 MILHÕES de livros cadastrados para venda e 750 mil pessoas cadastradas. O site reúne sebos  e leitores que desejam comercializar seus livros usados. Idealizado por André Garcia, um jovem de 31 anos que iniciou seu projeto há apenas 4 anos atrás com 18 sebos cadastrados. (Fonte: Jornal A Tribuna, caderno Campus de 15/08/2010).

Hoje o serviço já é uma referência entre os estudantes, que procuram títulos esgotados, raros ou mesmo semi-novos com bons preços, além de contar com uma ferramenta de pesquisa bastante eficiente. ” Nos sebos os alunos encontram uma variedade de títulos infinitamente maior ao das livrarias convenionais e por um custo acessível a todos.”

A Ecobrindes valoriza idéias e ações como esta e incentiva a reciclagem de livros entre os leitores!

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Dica de livro!

O livro Metal – Reciclar de Verônica Bonar da Editora Scipione é de 1996, época em que a consciência ecológica em nosso país estava apenas iniciando, no entanto já trazia uma série de informações sobre a importância da reciclagem em linguagem acessível e com muitas imagens de apoio.

Mostrando as utilidades e propriedades dos metais, o livro enfoca a importância econômica de sua reutilização e de como podemos ajudar nesse processo.

Aí vai a dica da Ecobrindes para você fomentar a discussão sobre a reciclagem em casa!

Saiba mais ou compre AQUI!

Related Posts with Thumbnails
Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)