Germinação Experimental de Canafístula – peltophorum dubium

Aproveitando que estamos na semana da árvore publicamos a seguir uma técnica experimental de germinação de sementes de árvores brasileiras que apresentam “dormência tegumentar” (no caso, a canafístula).  A dormência da semente é na realidade uma camada impermeável (casca dura) que algumas espécies, principalmente de árvores,  possuem.

Para “quebrar” esta dormência e conseguir germinar sua árvore bebê, siga os passos abaixo indicados e fique maravilhado com o processo !!

1 – Tenha em mãos os seguintes itens: 2 pedaços (bolinhas) de algodão, uma lixa de unha, um pouco de água e claro, as sementes de canafístula.

2 – O próximo passo é escarificar / lixar levemente a base da semente (a parte mais pontuda). Lixe pelas laterais, mas com cuidado para não danificar a semente. Esta escarificação permitirá que a água (elemento da vida) penetre na semente proporcionando a germinação.

3 – Depois de escarificar as sementes, prepare o vasinho com algodão, acomode as sementes e coloque um pouco de água para umedecer a base. Finalize colocando o outro pedaço de algodão por cima, fazendo uma espécie de “saduiche” com as sementes ao meio. Coloque um pouco mais de água e em seguida retire o excesso de água, pressionando o algodão por cima (com os dedos).

Cubra as sementes com outro pedaço de algodão e retire o excesso de água:

4 – Agora vem a parte mais espetacular, a germinação.  Entre  5 e 10 dias sua semente irá absorver a água  e iniciar o processo maravilhoso da vida. Nos primeiros dias, a multiplicação celular irá se concentrar em criar uma raíz longa para absorver mais nutrientes, enquanto prepara e ensaia a saída efetiva das primeiras folhas “protetoras”. Repletas de clorofila, folhas iniciais verdes e bem escuras,  proporcionam intensa respiração celular e geram energia suficiente  até que o caule e a folhagem definitiva se formem.

5 – Com os brotos germinados, aguarde até conseguir  pelo menos 3cm de raiz para que possa ser possível  seu plantio em uma vaso maior, desta vez contendo substrato orgânico (terra fértil). Faça uma abertura em meio ao substrato contido no vaso com uma caneta ou objeto similar e, com cuidado, enterre a raiz até que fique firme e estável.  Agora é só regar e aguardar ela crescer e se fortificar, até que seja possível seu plantio definitivo.

E esse é o fantástico resultado!! O maravilhoso espetáculo da vida !!  Esta pequena árvore irá se desenvolver  (como nossos filhos) e se transformar em algo extremamente útil para o planeta. No caso dela, converterá  gás carbônico em oxigênio,  filtrará o ar que respiramos, nos dará flores belas e harmônicas tal qual é a criação, nos encherá de esperanças e idéias virtuosas. Um belo exemplo  da  exuberância da natureza e de quem a criou. Note como é bela e simples a mágica da vida !

A Ecobrindes testou e aprovou este método simples de germinação. Utilize você também!

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Dia da árvore

Árvore da Canafístula em florescência. Autor indicado.

No Brasil comemora-se o Dia da Árvore no dia 21 de Setembro anunciando a estação da Primavera que chega no hemisfério Sul no dia 23. Nesta data para homenageá-la a Ecobrindes preparou uma matéria sobre a Peltophorum dubium muito conhecida por Canafístula.

Da família da Caesalpinieae é uma árvore nativa (América do Sul) também conhecida por farinha-seca, faveira, sobrasil, tamboril, tamboril branco, tamboril-bravo, guarucaia, jacarandá de flor amarela, angico vermelho, barbatimão, acácia amarela, canela de veado, pau vermelho, madeira nova, quebra serra e alguns outros.

Seu nome científico é Peltophorum dubium (Spreng.) Taub. e é uma linda espécie que chega a uma altura de 15 a 25 metros com uma copa bem ampla, tronco de 50 a 70 cm de madeira bem rígida (densidade de 0,69 g/cm3) e de longa durabilidade (muito utilizada na construção civil e na indústria moveleira).

Flor amarela da Canafístula. Foto Valdir Dala Marta.

Bela e exuberante como espécie ornamental, é bastante utilizada no paisagismo urbano e rural; como planta rústica pode ser empregada na composição de reflorestamentos mistos de áreas degradadas pois beneficia-se de áreas de clareiras. Resiste bem ao frio e geadas, adaptando-se ao clima subtropical e temperado.

É nos estados de Minas Gerais, Bahia, Rio de Janeiro, Goiás, Mato Grosso do Sul e Paraná que ela é mais abundante e adaptada. Sua floração ocorre  no verão (de Dezembro a Fevereiro), quando  sua copa generosa provê sombra fresca e suas flores ao caírem formam lindos tapetes amarelos pelo chão.

Multiplica-se por sementes, que devem ser escarificadas ou manipuladas para quebra de dormência antes da germinação (a semente emerge entre 15 e 30 dias). Após o período de formação da muda (aprox. 30 cm) deve ser cultivada sob o sol pleno e em terreno preparado com matéria orgânica, livre de formigas e agressões físicas.

E já que hoje é o dia dela que tal fazermos parte da  campanha “Plante 7 Bilhões de Árvores”, um projeto desenvolvido pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) com o objetivo de incentivar o plantio de árvores nativas e aquelas apropriadas ao meio ambiente local envolvendo a comunidade e os seus governantes.

Fontes de pesquisa:

LORENZI, H. Árvores Brasileiras. Manual de Identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. Nova Odessa: Ed. Plantarum. 1992. 352p.

IPEF – Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais

Dia da árvore - Instituto Ambiental Nova Era

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Ecobrindes na Rádio USP

Mario Sant e Marcia Dolores entrevistam os sócios da Ecobrindes.

Alexandre Oliveira, Alexandre Conte, Marcia Dolores e Mario Sant.

Na próxima terça feira 21 de Setembro de 2010 às 8h vai ao ar na Rádio USP o programa de áudio Trilha Profissional, que entrevistou os empresários Alexandre Oliveira e Alexandre Conte sócios da Ecobrindes.

O programa Trilha Profissional, idealizado e  apresentado por Mario Sant, tem como foco compartilhar informações sobre carreira, empreendedorismo, sustentabilidade nos negócios e comportamento. Com duração de 1 hora o programa recebe um convidado especialista na área, que fala de maneira descontraída sobre um tema específico, sempre com dicas preciosas no segmento organizacional.

Gravado no dia 10/09/2010 o programa teve a participação da Dra. Marcia Dolores, Diretora do Instituto Saber.

Os jovens empresários  compartilharam  sua experiência como empreendedores num mercado ávido por produtos e soluções sustentáveis, contaram sobre a história da Ecobrindes, as oportunidades de negócios vividas e também sobre curiosidades e fatos do cotidiano de sua empresa.

Anote aí e acompanhe a entrevista no dia 21/09 pela Rádio USP 93,7 pra quem estiver em São Paulo e 107,9 pra quem estiver em Ribeirão Preto. Quem quiser também pode conferir pelo site da RADIO USP.

A Ecobrindes agradece o convite e orgulha-se de poder partilhar a sua história com outros “Trilheiros”, que como eles, foram abrindo caminhos para o seu negócio através de muito trabalho, pesquisa e dedicação!

Ouça a entrevista

Bloco 1 (WMP 21 minutos)

Bloco 2 (WMP 23 minutos)

Bloco 3 (WMP 17 minutos)


Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Limpeza com consciência já nas gôndolas!

A Ecobrindes não faz propaganda de produtos e não recebe nada em troca por isso, mas tem interesse em divulgar produtos, serviços e boas práticas relacionadas ao uso consciente dos recursos naturais do planeta.

Por isso, destacamos nesta semana a linha de produtos de limpeza para casa ECOBRIL (da BOMBRIL) pensada a partir da combinação entre sustentabilidade & ecologia (os 4R´s), qualidade e preço justo os produtos apresentam-se em fórmulas concentradas, com ativos biodegradáveis, matérias primas naturais e de fontes renováveis e não testadas em animais. As embalagens são feitas com 50% de material reciclado, são 100% recicláveis e também são encontradas na versão REFIL.

Com preços similares aos produtos de mercado que ainda não despertaram para a causa ambiental vale a pena testá-los em sua próxima limpeza. A Ecobrindes testou e aprovou o lançamento! Experimente você também!

Vídeo de apresentação da nova linha de produtos no site da VIMEO:

Ecobril from Bombril on Vimeo.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Profissão de agente de reflorestamento é regulamentada

Em nota divulgada hoje a Camara dos Deputados informa que esta em análise uma proposta que cria a profissão de agente comunitário de reflorestamento e meio ambiente.

Segundo o texto, os agentes comunitários de reflorestamento deverão executar atividades como: identificação de áreas degradadas; reconhecimento e catalogação de plantas; plantio em regiões degeneradas; transporte de espécies da flora local; organização de eventos de conscientização para a preservação do meio ambiente; e docência em cursos de capacitação.

Será condição mínima exigida para o cargo o ensino fundamental completo, além de ser necessário residir na área da comunidade em que atuar ou próximo a ela e haver concluído o curso de qualificação básica, cujo conteúdo programático será definido pelo Ministério do Meio Ambiente. Estes agentes serão vinculados a órgãos ou entidades dos municípios e do Governo Federal.

A Ecobrindes manifesta o seu contentamento com este projeto pois entende que a medida vai garantir o reconhecimento de profissionais que já atuam nessas áreas, mas não são organizados em uma carreira própria.

“Esses profissionais são responsáveis pelas ações de reflorestamentos e recuperação dos biomas brasileiros, realizam operações de preservação e compensação ambiental, entre tantas outras. Eles, contudo, prestam serviços sem ter reconhecida a sua profissão e sem gozar de garantias para o melhor desempenho de suas atividades”, alertou o deputado Hugo Leal (PSC-RJ), autor do projeto.

Acompanhe a análise do projeto e veja a matéria na íntegra AQUI.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Embalagem pra que?

Loja da Beunpckaged em Londres. Fonte: site.

Até bem pouco tempo atrás (meados do séc. XX) comprávamos produtos a granel e esta era a forma mais usual de abastecermos as nossas casas. Com o crescimento da propaganda, do marketing  e da valorização dos produtos através das embalagens passamos a comprar, além dos produtos, suas embalagens-conceito.

Os produtos sofisticaram-se e foi preciso dar-lhes embalagens à altura, passamos a consumir mais e a produzir mais lixo. Com o crescimento da consciência ambiental várias tem sido as formas de otimizar ou minimizar o uso dessas embalagens, muitas vezes tornando-as recicláveis, o que é muito positivo.

Leve seus potes e economize plásticos! Fonte: site.

Mas iniciativas como a da loja londrina Beunpackaged surpreendem justamente ao propor a volta ao velho sistema de compras à granel! No Brasil esta alternativa ainda é comum nas feiras livres e em alguns mercadinhos de bairro onde ainda é possível comprar arroz, feijão e cereais e levá-los em saquinhos para casa.

O que torna a Beunpackaged original e antenada com o nosso tempo é a proposta de cada consumidor levar o seu próprio recipiente na hora da compra e , assim, não gerar mais lixo.

Venda de produtos a granel. Fonte: site.

A loja comercializa legumes, grãos, farináceos, sementes, chás e temperos, ítens de mercearia (bolos, pães, biscoitos), produtos de limpeza e alguns objetos (cadernos, bolsas retornáveis, livros) fabricados de forma responsável, em alguns casos derivados do chamado mercado socialmente justo (fair trade), com cultivo orgânico e em forma de refil.

A Ecobrindes apoia a iniciativa e lembra que olhar para o passado também  pode trazer à tona alternativas simples nas formas de consumir! Na sua próxima ida ao mercado leve seus potes e saquinhos plásticos e ajude a poupar o meio ambiente!

Visite o site da Beupackaged! E se estiver em Londres vá conhecê-la: fica na  Amwell Street, n. 42.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Prêmio Sustentabilidade UNA

O grupo ANIMA, gestor dos centros universitários Unimonte em Santos, Una e UniBH em Belo Horizonte tem como missão transformar o país pela educação, sendo referência em práticas inovadoras de aprendizagem e gestão, respeito à pluralidade, valorização das pessoas e compromisso com o desenvolvimento sustentável.

É signatário do Pacto Global, uma iniciativa da ONU para mobilização da comunidade empresarial  na adoção de valores fundamentais e internacionalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, relações de trabalho, meio ambiente e combate à corrupção.

Há dois anos a instituição promove e premia os melhores trabalhos acadêmicos de seus alunos através do Prêmio de Sustentabilidade UNA, uma iniciativa do Núcleo de Sustentabilidade e Inovação da ANIMA EDUCAÇÃO com o propósito de  identificar, reconhecer e premiar os esforços de alunos do Centro Universitário UNA, de diversos cursos que apresentam trabalhos interdisciplinares em favor da sustentabilidade. O prêmio tem a finalidade de incentivar a prática, e, portanto ações de sustentabilidade que envolvam o protagonismo jovem.

No início deste semestre (2010), e depois de uma árdua seleção, dos vinte finalistas foram selecionados cinco projetos dentre um universo de mais de 70 projetos inscritos. Os finalistas foram contemplados com assinaturas de revistas, livros e kits especiais. E os ganhadores terão seus projetos publicados no relatório anual de sustentabilidade com visibilidade internacional. Acompanhe no site do ANIMA a publicação do relatório de sustentabilidade ANIMA 2011 (previsto para Junho de 2011) e conheça os projetos e as ações do grupo.

Acesse o relatório de sustentabilidade ANIMA | Pacto Global 2010 e conheça as propostas dos alunos vencedores do ano passado. O relatório também esta disponível para download no site do grupo ANIMA Educação.

Confira os temas e autores dos projetos premiados na categoria melhor trabalho e destaques de 2010:

Melhor trabalho: Ecomóveis – Móveis ecológicos e acessórios decorativos.
Curso: Gestão Ambiental
Orientadora: Angélica de Assis Duarte
Alunos: Bianca Bárbara, Daniela Alves, Olga Rafaela, Maria Emilia Almeida, Marlene Pereira, Rodolfo de Oliveira, Viviane de Oliveira.

Ecomóveis – Móveis ecológicos e acessórios decorativos.

Destaques: Medidas Sustentáveis para a Copa de 2014 – Banheiros Móveis Ecológicos.
Curso: Engenharia Ambiental
Orientador: Diego Luiz Nunes
Alunos: Ana Paula Lacerda, Helio Albuquerque de Faria, Jsiane Xavier Silote, Leandro Pinheiro Dias, Lidiane Silva Ribeiro, Marcelo Guerra, Viviany Santos Lage.
Eco – Óleo: Tecnologia em Tratamento do óleo Vegetal e Animal para fabricação de Biodiesel.
Curso: Gestão Ambiental
Orientadora: Angélica P. de Assis Duarte
Alunos: Ana Paula Viana, Camila Oliveira Baia, André Luiz Fonseca Pereira, Camila Mendes Pessanha, Cássia Martins de Santos; Fernando Augusto Souza Santos, Alisson Carlos Barbosa da Silva.
Grupo Eco – Óleo.

Conversão Direta de Energia Mecânica em Energia Elétrica.
Curso: Engenharia Ambiental
Orientadora: Cristiane Medina Finzi Quintão
Alunos: Débora de Oliveira Bittencourt, Ítalo Domingos Rodrigues, Marina Amélia Costa Barbosa, Mayra Labanca de Oliveira, Nicássia Batista de Almeida, Waldirene Schuenker Medeiros.

Conversão Direta de Energia Mecânica em Energia Elétrica.

Eco Eficiência – Gestão Inteligente de Resíduos.
Curso: Gestão Ambiental
Orientadora: Angélica P. de Assis Duarte
Alunos: Acácio José da Silva Junior, Ana Maria Camillozzi, Bernardino Cunha, Magda Cristia, Rodrigo Faria, Yara Zierach.

Eco Eficiência – Gestão Inteligente de Resíduos.

A Ecobrindes, responsável pela confecção das medalhas de honra ao mérito (elaboradas em MDF com impressão em tinta não tóxica) orgulha-se por participar da premiação deste time de jovens empreendedores em favor da sustentabilidade.
Related Posts with Thumbnails
Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)