Logística Reversa, a EcoBrindes® faz uso dessa norma, assume responsabilidade ambiental e estimula participação social

A chamada logística reversa é parte das preocupações da EcoBrindes® com as questões relacionadas com a sustentabilidade e com a reciclagem.  Estamos conscientes das responsabilidades derivadas da lei, ao mesmo tempo em que procuramos ajudar a sociedade brasileira avançar na preservação de suas riquezas.

Como todos sabem, a Política Nacional de Resíduos Sólidos – PNRS foi instituída pela Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010, regulamentada pelo Decreto Nº 7.404 de 23 de dezembro de 2010. Entre os conceitos introduzidos em nossa legislação ambiental pela PNRS estão a responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, a logística reversa e o acordo setorial.

A responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos é o “conjunto de atribuições individualizadas e encadeadas dos fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes, dos consumidores e dos titulares dos serviços públicos de limpeza urbana e de manejo dos resíduos sólidos, para minimizar o volume de resíduos sólidos e rejeitos gerados, bem como para reduzir os impactos causados à saúde humana e à qualidade ambiental decorrentes do ciclo de vida dos produtos, nos termos desta Lei”. A logística reversa é um “instrumento de desenvolvimento econômico e social caracterizado por um conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação.”

A Lei nº 12.305/2010 dedicou especial atenção à logística reversa e definiu três diferentes instrumentos que poderão ser usados para a sua implantação: regulamento, acordo setorial e termo de compromisso. Acordo setorial é um “ato de natureza contratual firmado entre o poder público e fabricantes, importadores, distribuidores ou comerciantes, tendo em vista a implantação da responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida do produto.” Por permitir grande participação social, o Acordo Setorial tem sido privilegiado pelo Comitê Orientador como instrumento preferencial para a implantação de logística reversa.

Nos dias de hoje, observa-se com facilidade a redução acentuada do ciclo de vida dos produtos, devido à evolução tecnológica e a busca incansável de redução de custos. Os casos mais notáveis são o dos eletroeletrônicos e das embalagens pet.

Alguns autores associam essa modernização ao que eles chamam, de “descartabilidade”  dos produtos. Essa característica faz com que – em todo o mundo – haja um aumento extraordinário do lixo urbano, o qual, por sua vez, se altera proporcionalmente com a diminuição do chamado lixo orgânico e o aumento do lixo de produtos descartáveis.

Aqui na EcoBrindes® estamos preparados para enfrentar os desafios da logística reversa, envolvendo ações de retorno, reuso e reciclagem. Nossos clientes podem ficar tranquilos, assumimos, inteiramente, nossa parcela de responsabilidade ambiental.

 

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

EcoBrindes® junto com blog “Quimica Sustentável” prestigia 1ª. Feira PFRH – Programa Petrobrás de Recursos Humanos

A EcoBrindes® prestigiou através do Blog “Química Sustentável” (http://quimicasustentavel.wordpress.com/2013/06/29/apresentacao-do-blog-quimica-sustentavel-na-i-feira-pfrh/) a 1ª. Feira PFRH – Programa Petrobrás de Formação de Recursos Humanos, mediante o oferecimento do seu produto PETGOL, como produto para análise dos participantes da Feira e, posteriormente, como brinde.

A apresentação dos projetos e propostas na 1ª. Feira PFRH – Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos, aconteceu no dia 12 de junho no Instituto Federal do Rio de Janeiro, no campus Pinheiral.

O evento registrou a presença de mais de 70 pessoas incluindo alunos e professores de vários campi do IFRJ e avaliadores do Programa. O objetivo foi “mostrar como a Química está ajudando no desenvolvimento sustentável e conscientizar todos sobre os impactos ambientais, negativos, causados pelas ações humanas, assim como os trabalhos desenvolvidos pelo blog”.

blog ecobrindes quimica

A EcoBrindes® e outras empresas prestigiaram a realização do evento, doando alguns dos seus produtos para análise e posterior sorteio entre os participantes. A EcoBrindes® doou exemplares do PETGOL, produto promocional exclusivo da empresa, com base no futebol (de dedo), que tanto divertiu gerações no Brasil e no mundo. O PETGOL é totalmente fabricado com materiais reciclados pós-consumo, é ecológico e sustentável, pois incentiva diretamente as cooperativas de reciclagem, reiniciando o ciclo da sustentabilidade.

blog ecobrindes_petgol2

 

pet_gol_estudo_261

 

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Modelo sustentável de casa compacta e em PVC ganha concurso

blog ecobrindeas 35_Compacta e em PVC_imagem

O jornal Folha de S. Paulo divulgou na sua edição de 22 de novembro de 2013 que o projeto de uma casa do arquiteto catarinense André Fornari foi o ganhador o Concurso Nacional de Estudos Preliminares de Arquitetura, realizado pela empresa petroquímica Braskem em parceria com o Instituto de Arquitetos do Brasil de Alagoas. O principal objetivo do certame era escolher o melhor projeto para um modelo de casa sustentável que tivesse o plástico como material principal, sobretudo o PVC.

A casa modelo foi pensada para um lote dentro dos limites da fábrica da Braskem na cidade de Marechal Deodoro (AL). As dimensões do terreno, de 120 m², exigiram uma arquitetura ordenada e racional, que aproveitasse ao máximo cada cômodo. Dois blocos lineares, com alturas distintas e colados um ao outro, determinam o uso dos espaços.

O primeiro, para área social e de serviço, é aberto, com pé-direito mais alto e interligado física e visualmente à frente e aos fundos do terreno. O outro bloco, de usos mais privativos como quartos e banheiros, é fechado para a frente e os fundos, mas aberto para toda a lateral, onde um terraço linear acompanha o volume. Com isso, os cômodos desse setor têm boa luminosidade e ventilação.

O pé-direito maior do primeiro volume permite ainda uma abertura lateral contínua acima do espaço dos quartos e banheiros, ao lado, auxiliando na entrada de luz natural e possibilitando troca de ar constante em todo o ambiente.

A casa será erguida em 2014 e ficará aberta para visitação.

 

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

PETGOL, síntese da criatividade e da responsabilidade socioambiental na terra do futebol

Um acontecimento de negócios deixou a todos nós da EcoBrindes® — dirigentes, equipes técnicas de criação, desenvolvimento e produção – extremamente contentes e felizes. A Caixa Econômica Federal, por intermédio de suas agências de publicidade, encomendou-nos vários lotes do PETGOL.

O evento seria apenas mais uma transação mercantil entre a CEF e a EcoBrindes® não fosse o significado – tecnológico, econômico, histórico – que ele traz consigo.

O PETGOL é uma plataforma de entretenimento para crianças, que se assemelha a um campo de futebol com seus respectivos jogadores, similar ao futebol de botão que, ao invés da “bola”, utiliza uma pequena ficha, que os “jogadores” devem mandar para o gol. Essa plataforma foi desenvolvida para aproveitar a reciclagem das garrafas pet, levando no espaço tido como o “gramado”, a mensagem do patrocinador.

Coleta Seletiva, Reciclagem e Cadeia  Produtiva – Uma longa e desafiadora etapa marcou a criação e desenvolvimento do produto, tarefa desempenhada com galhardia pelo nosso pessoal. A cadeia produtiva do PETGOL, propriamente dita, começa na chamada coleta seletiva, com o recolhimento das garrafas pet (politereftalato de etileno), que serviram para acondicionar água e refrigerantes. Vem depois a transformação do material recolhido em matéria prima para a produção em série do brinquedo. Finalmente, a produção e o “toque final”, com a “personalização” do brinde, ou seja, a inserção da mensagem do cliente patrocinador. Como a da Caixa, por exemplo, que adquiriu o PETGOL para ser distribuído às casas lotéricas.

Responsabilidade socioambiental & criatividade – O PETGOL, para nós da EcoBrindes®, é resultado de uma fórmula interessante, que começa ao assumirmos a parcela de responsabilidade socioambiental nas tarefas da reciclagem, passa pela criatividade e desenvolvimento do produto e se conclui como uma contribuição para o entretenimento de crianças e adultos, em um esporte bem brasileiro, o futebol.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Sustentabilidade, nós também estamos nessa

A revista Exame, na sua última edição (no. 1053, de 13nov2013), trouxe um excelente e alentado caderno especial veiculando o tema da sustentabilidade e as ações relacionadas que a Editora Abril, que publica a revista, promove. Com relação ao conjunto de práticas sob o qual concebemos a sustentabilidade, a Editora promoveu um levantamento junto a empresas brasileiras e avaliou cada uma delas, segundo critérios previamente estabelecidos que conduzissem à condição de empresa que preza e promove a sustentabilidade.

O trabalho da revista é sério, oportuno, bem elaborado e merece ser lido. Valoriza e engrandece o conceito objeto da edição do caderno especial, ao mesmo tempo em que destaca o trabalho e o esforço das empresas, em diferentes setores da economia, que atuam no Brasil em defesa da natureza e das gerações futuras.

Parabéns à Editora Abril, à revista Exame, aos profissionais que conduziram os trabalhos e às empresas que se distinguiram no “certame”.

A EcoBrindes® é uma empresa que se dedica à criação, produção e comercialização de brindes ecológicos. Do seu catálogo destaca-se, desde o inicio das atividades, há mais de seis anos, o desenvolvimento de projetos de brindes na forma de sementes e mudas, embaladas de maneira a sensibilizar aqueles que os recebem. O pessoal da EcoBrindes® sempre teve em mente princípios e práticas pedagógicas e da preservação, porque querem ajudar a transmitir às gerações atuais e futuras a importância da preservação, da sustentabilidade.

A EcoBrindes®, no que tange à defesa do meio ambiente, à preservação da natureza e ao incentivo às boas práticas da sustentabilidade, reafirma o propósito de não abdicar da parcela de responsabilidade socioambiental que lhe compete.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Clientes, nosso maior patrimônio

Os cursos de MBA-Master of Business Administration, criados por Universidades norte-americanas – Harvard, Wharton e outras – como o mestrado dos negócios, atualmente difundidos em todo mundo, enfatizam, como conceito interdisciplinar (ou transversal) que “sem clientes não há negócios”. Isto quer transmitir aos futuros “doutores” da ciência ou da arte de administrar, gerir negócios que os clientes são a razão de existir de qualquer empresa, de qualquer empreendimento. Não adianta ter o mais renomado CEO-Chief Executive Officer, o comandante supremo da organização, não adianta nada contar com os mais afamados Diretores de Produção, Financeiro, de Marketing, de RH, se não tem clientes.

O cliente é o rei. É a mais importante figura na cadeia dos negócios, pois, sem ele, como sublinham os criadores dos cursos de MBA, não há o que fazer. Não há negócios. Mas, muitas empresas se esquecem disso, imaginando que existem soluções milagrosas no marketing, nos preços e nas finanças, na produção ou na comercialização. Não, não há.

Antes de qualquer ação, é preciso, é fundamental conhecer, e bem, os interesses, os desejos, as expectativas dos consumidores, dos clientes.

No negócio de brindes, ecológicos ou não, as coisas não são diferentes. É recomendável ter sensibilidade para auscultar, conhecer e trabalhar com as aspirações dos clientes em termos de especificação do produto, qualidade, preço, prazo de entrega, condições de pagamento e assistência pós venda, quando for o caso. Tudo isso quer dizer sensibilidade e respeito. Aquela antiga história de que “o freguês tem sempre razão” permanece atual e verdadeira. Aqui na EcoBrindes® fazemos disso nosso credo.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Brindes, necessidades específicas exigem soluções próprias e específicas

O oferecimento de um brinde é um momento (muito) especial. É preciso, em primeiro lugar, conhecer as características e as peculiaridades do segmento social ou econômico a ser agraciado e, se possível, as razões que justificam o oferecimento do mimo. O volume de recursos a ser dispendido com o evento, condicionante do projeto do brinde. Daí a especificidade da demanda que, necessariamente, deve ser atendida.

A EcoBrindes®, dentro do seu acervo básico de projetos e produtos, tem condições de atender aquilo que o cliente tem em mente. Aquilo que ele quer.

Assim, a partir daquele acervo básico, os produtos podem ser “personalizados” e direcionados para os objetivos dos clientes. Seja uma eco-bag original (no corte, nas cores, na ilustração) ou uma embalagem especial em papel.

Nesse caso, fica o registro do brinde oferecido aos passageiros da GOL do primeiro voo, realizado no dia 23 de outubro último, utilizando combustível alternativo no Brasil, no caso óleo de cozinha reciclado.

O voo G3 1408, que partiu às 12h42 de Congonhas em São Paulo com destino à Brasília, levando nos tanques da aeronave uma mistura de 25% de bioquerosene (bioQAV) alternativo, que foi adicionado ao querosene de aviação (QAV), levou também o brinde especial “customizado”, desenvolvido pela EcoBrindes®. Nós nos orgulhamos disso

 

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Reciclagem, necessidade e obrigação dos tempos modernos

Nos lares brasileiros, a preocupação com a coleta seletiva do lixo e, a partir daí, com a reciclagem, é grande. A coleta seletiva é um processo que consiste na separação e recolhimento dos resíduos descartados por empresas e pessoas. Os materiais que podem ser reciclados são separados do lixo orgânico (restos de carne, frutas, verduras e outros alimentos), descartado em aterros sanitários ou usado para a fabricação de adubos orgânicos. Os materiais recicláveis são separados em papéis, plásticos, metais e vidros.

A reciclagem suscita a questão da disposição final do lixo, problema que aflige as cidades brasileiras e que exige posicionamento de toda a cidadania e dos governos. Na cidade de São Paulo, segundo dados da Prefeitura do município, geram-se, em média, 18 mil toneladas de lixo diariamente (lixo residencial, de saúde, restos de feiras, podas de árvores, entulho etc.). Só de resíduos domiciliares são coletados quase 10 mil toneladas por dia.

Reciclar é transformar objetos e materiais usados em novos produtos. Trata-se de uma necessidade do planeta, na medida em que se confirmam os benefícios que este procedimento traz para todos nós. Analistas já demostraram que “a partir da década de 1980, a produção de embalagens e produtos descartáveis  aumentou significativamente, assim como a produção de lixo, principalmente nos países desenvolvidos”. Por isso, governos e entidades da sociedade organizada estão cobrando de empresas e cidadãos posturas responsáveis, pois, o crescimento econômico está aliado à preservação do meio ambiente. Aqui se inserem as campanhas de coleta seletiva do lixo e reciclagem, extremamente importantes e estratégicas para toda a sociedade, em todo mundo.

O processo de reciclagem ajuda a preservar o meio ambiente, gera riquezas e contribui para a diminuição da poluição do solo, da água e do ar. Muitas indústrias estão reciclando materiais como uma forma de reduzir custos de produção. O vidro, o alumínio, o papel e o plástico são os materiais mais reciclados.

Mas, há outro beneficio trazido pela reciclagem: a geração de emprego e renda, segmento em que as cooperativas de catadores de papel e alumínio nos centros urbanos do país desempenham estratégico papel e já são uma concreta realidade.

O problema do lixo nas grandes cidades tem exigido uma postura séria e responsável por parte dos governos, das empresas e da cidadania, como se disse acima. Com isso, cada vez mais, a coleta seletiva e a reciclagem apresentam-se como solução viável social, ecológica e econômica para a preservação do planeta. Mas também uma obrigação de todos nós!

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Presentear com conteúdo ecológico revela elegância, bom gosto e consciência socioambiental

A abertura de uma nova unidade empresarial, o lançamento de um projeto imobiliário, um jantar de confraternização, um mimo para o cliente fiel. Tudo é motivo para um presente, um regalo, uma lembrança com o propósito de demonstrar satisfação e alegria em ter o cliente do nosso lado. E valermo-nos da oportunidade para reafirmar o quanto somos gratos por isso.

Antigamente, qualquer quinquilharia servia como brinde. O refinamento passava ao largo. Hoje, as coisas mudaram e o conteúdo ecológico nos brindes se faz presente. É sinal de bom gosto, de elegância.

Uma eco-bag com corte e adereços ousados e modernos, desenho original nos traços e linhas e cores a ornar-lhe o conteúdo; um conjunto de sementes de plantas e flores brasileiras acondicionadas em embalagens criativas, tanto na mensagem inserida como na originalidade da “engenharia de corte”. Ou mudas de árvores da flora brasileira, em diferentes tamanhos, igualmente embaladas com originalidade.

Tudo isso revela oportunidade para evidenciar inequívoca demonstração de responsabilidade socioambiental e, igualmente, elegância e bom gosto.

É bom pensar nisso na hora de escolher seus brindes. Para que o cliente a quem eles se destinam sinta a importância da reciprocidade.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)

Ecobrindes® participa do 1º Voo Comercial com Biocombustível do Brasil

Ao fornecer o brinde comemorativo do evento, a EcoBrindes® “participou” nesta quarta-feira, dia 23 de outubro, do primeiro voo comercial com combustível alternativo no Brasil, no caso óleo de cozinha reciclado. O voo G3 1408 partiu às 12h42 de Congonhas em São Paulo com destino à Brasília, levando nos tanques da aeronave uma mistura de 25% de bioquerosene (bioQAV) alternativo, que foi adicionado ao querosene de aviação (QAV).

gol_bio

O programa Plataforma Brasileira de Bioquerosene é uma iniciativa que reúne Boeing, Embraer, Amyris e Gol e varias outras empresas e entidades governamentais com o propósito de viabilizar a produção em escala comercial.

A EcoBrindes® foi convidada a desenvolver e produzir um brinde exclusivo e original, comemorativo do evento considerado histórico. Temos o prazer e o orgulho de apresentá-lo aos nossos leitores (vejam abaixo). Na primeira foto a eco-bag está fechada e na segunda está aberta. A “engenharia de corte” para a parte em papel foi o grande desafio enfrentado pelo pessoal de desenvolvimento e criação da EcoBrindes®. Esperamos ter sido bem sucedidos.

DSC02175DSC02207

A QUESTÃO AMBIENTAL – Os meios de comunicação que cobriram o evento destacaram que “a busca pelo desenvolvimento do combustível alternativo está menos relacionada à questão do alto custo do petróleo, que impacta os balanços das companhias aéreas, e mais com a questão ambiental”. A procura por um combustível menos poluente que possa ser adicionado/misturado ao combustível fóssil parte do principio básico: evitar mudanças nos motores dos aviões.

O Brasil já conta com uma refinaria capaz de produzir o bioQAV a partir da cana (Amyris, localizada em Brotas, SP). No entanto, o produto ainda está pendente de certificação internacional.

SATISFAÇÃO E PRIVILÉGIO – Todo o pessoal da EcoBrindes® sente-se prestigiado e honrado em participar desse momento histórico para a aviação brasileira, seja em termos de desenvolvimento tecnológico do país e, principalmente, para o meio ambiente. 

 

Related Posts with Thumbnails
Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)